1

Vejo flores em você…

Sempre que fizemos um balanço das estampas apresentadas a cada estação, os florais estão sempre presentes, variando em tamanho, tipo de estampa e até cor de fundo. Mas temos percebido que além das estampas, as flores estão bastante presentes através das aplicações. Uma porção delas apareceu no desfile barroco de inverno/2012 da Dolce & Gabbana e na última semana de Alta-Costura, muitas estilistas apostaram nas aplicações (além da grande quantidade de estampas e rendas florais):

O desfile da Dolce & Gabbana trouxe roupas e acessórios cobertos de flores. Vale ressaltar os óculos de sol, que inspirou muitos “Faça-você-mesmo” por aí:

Nos desfiles de Alta-Costura:

Georges Hobeika, Giambattista Valli e Zuhair Murad

Para quem gosta da ideia e quer florir o visual, algumas opções:

Fontes: Style, Net-a-Porter, SaksFifithAvenue, NeimamMarcus, Asos, Farfetch, Fashionising

1

Capas para o próximo inverno

Quando ouvimos falar de capas, a primeira imagem que vem à mente é daquelas usadas pelos super-heróis das histórias em quadrinhos. Mas no que depender de muitos estilistas, isto está prestes a acabar.

As capas já deram as caras no inverno de 2010, mas parece que para o inverno 2012/2013 que está para entrar no hemisfério Norte, elas chegaram para valer. Se for apostar na ideia, é preciso atenção na escolha do modelo, já que a peça pode ampliar muito a silhueta.

Vejam alguns modelos, separados por características comuns:

Capas sob medida: são praticamente um casaco sem mangas com fendas para os braços. Esse tipo tem os ombros mais estruturados, o que acaba deixando a silhueta mais enxuta e elegante:

Capas com cintos: são capas usadas com cintos, que ajudam na definição do corpo:

Cloaks : esses modelos são os que mais se assemelham com o das histórias e quadrinhos (Conde Drácula feelings?). Geralmente são longas e atadas no decote:

Esse modelo de capa foi o que mais apareceu também nos desfiles de Alta Costura de inverno/2012:

Capas xale: essa na verdade se trata da boa e velha manta ou xale, usados como capa e presos na cintura com um cinto:

Capeleta: é bem mais curta e moderna, cobrindo basicamente os ombros. Conferem elegância e sofisticação:

Além desses modelos, alguns estilistas apostaram nos vestidos de festa com capa. A atriz Gwyneth Paltrow usou um modelo Tom Ford no Oscar desse ano. Nos desfiles de Alta Costura eles também estiveram presentes:

No Brasil o inverno já está chegando ao fim e pesquisando o que as marcas nacionais tinham apresentado, encontramos algumas poucas opções. Vamos ficar atentos para os desfiles do próximo inverno e ver se as capas serão também uma aposta aqui.

Fontes: Fashionising, FFW, Reprodução

0

O Patchwork de volta à moda

Patchwork, em tradução literal, trabalho com retalhos, é uma técnica que une tecidos com diversos tipos de formatos. É muito utilizado em artesanato. No entanto, volta e meia aparece no vestuário, como em alguns desfiles recentes. Mais do que uma tendência, é uma alternativa sustentável.

Para um efeito moderno e não tão rústico, os tecidos e recortes devem ser combinados harmoniosamente. Um ótimo exercício de combinação de estampas!

Abaixo, algumas marcas que apostaram na técnica recentemente:

– Erden: para a coleção Resort 2013, a marca se inspirou nos trabalhos de patchwork dos Amish, como já destacamos aqui:

– A Chanel, no desfile de Alta Costura – inverno 2012, trouxe um trabalho com retalhos de tweed:

– Já a estreante na semana de Alta Costura – inverno 2012, a Maison Martin Margiela trouxe uma mistura interessante de rendas e também um estilo mais “rústico”:

Fonte: Vogue UK, Fashionising, Wikipedia

0

Alta Costura – Inverno 2012: Versace

Ontem foi o dia de abertura da semana de Alta Costura de Paris – Inverno 2012. Neste primeiro dia só a grife Versace desfilou, e trouxe para a passarela uma coleção bem a cara da marca: fendas profundas, brilho, recortes e muita pele à mostra.

Na coleção, tantos os sapatos como algumas peças apareceram com tiras finas e atadas por fivela. Algumas outras com rendas finamente trabalhadas e, na estamparia, não deixou de aparecer a famosa medusa, símbolo da marca. Outro detalhe são os cintos, lembrando os cinturões de boxe e os já característicos espartilhos. A cartela de cores bem ampla, trouxe tons de pedras preciosas e pastel.

Fonte: FFW e Style.com